• Ouvidoria
  • LEILÃO BENEFICENTE
  • HCR Histórias
  • Resultado de Exames
    Centro de Diagnóstico HCR
    CLIQUE E CONHEÇA

    Notícias e Eventos

    Compromisso social que gera resultados: saiba qual a visão da diretoria do HCR sobre a pandemia

    O compromisso social gerido pela Associação Hospitalar Beneficente de Marau sempre este em primeiro lugar no Hospital Cristo Redentor. A instituição é resultado de uma grande obra filantrópica que é patrimônio de Marau e região. Sua fundação em 1976 contou com a colaboração de mais dois mil sócios que sem remuneração se empenharam em construir e concretizar o centro de saúde.

    Após 44 anos de história, o compromisso social continua através do trabalho incontestável do Conselho Deliberativo e Executivo da Associação Hospitalar Beneficente de Marau. Num momento tão delicado da história, onde de visualiza uma pandemia, novamente o compromisso social se faz presente a fim de garantir que a comunidade de Marau e região tenha acesso ao sistema de saúde de forma segura.

    Mais uma vez a comunidade de Marau recebe esforços de um grupo de pessoas que de forma voluntária dedicam tempo e recursos para que o HCR continue oferecendo serviços de qualidade e garantindo a segurança e o atendimento de casos suspeitos e confirmados de Coronavírus.

     


    “Vivemos uma situação atípica, de incertezas onde temos que buscar a superação em todos os atos”

    Para Adelar Confortin, atual Presidente da Associação Hospitalar de Marau, a diretoria do HCR sempre pautou suas decisões baseadas no princípio da filantropia: “Em um momento como este de pandemia, vivemos uma situação atípica, de incertezas onde temos que buscar a superação em todos os atos. A diretoria do HCR sempre pautou as suas decisões baseadas no princípio da filantropia, da causa solidária, da ajuda ao próximo, visando sempre o bem da população e da instituição.  Desde o início desta fase da COVID-19, organizamos protocolos alinhados com orientações de órgãos da saúde e também com decretos das autoridades dos três entes federados. A metodologia de trabalho, o planejamento, as decisões em conjunto e integradas, a transparência nas ações, foram algumas formas que a diretoria encontrou para através destas medidas propor o suporte e o apoio a equipe de profissionais que está sendo a verdadeira base de sustentação do combate a esta doença”, explicou.

    Confortin comentou ainda sobre a busca da parceria com o município de Marau para o aumento de leitos hospitalares no tratamento da COVID-19: “Buscamos em parceria com o município de Marau o aumento dos leitos hospitalares para o tratamento do COVID-19, e hoje contamos com 36 leitos exclusivos para este fim. Procuramos aparelhar e não deixar faltar nem um equipamento para que neste momento difícil a equipe e o corpo clínico pudessem continuar realizando um ótimo trabalho”, finalizou.

     

     


    “Nossa preocupação é para que a nossa estrutura tanto física quanto de profissionais esteja adequada para atender de forma eficaz   qualquer cidadão que necessite”

    O primeiro tesoureiro da Associação Hospitalar, Julcimar Zanin, também ressalta sobre a preocupação da diretoria em ofertar um serviço de saúde de qualidade: “Nós como membros da diretoria estamos com uma preocupação extrema nesta pandemia que atinge praticamente o mundo   todo. Nossa preocupação é para que a nossa estrutura tanto física quanto de profissionais esteja adequada para atender de forma eficaz   qualquer cidadão que necessite, tanto para os casos de coronavírus quanto para as demais doenças que não podem ser esquecidas”.

     

     

     

     


    “Evidentemente que o HCR também foi surpreendido com o Coronavírus, mas se preparou da melhor maneira possível”

    Antônio Roso, atual Presidente do Conselho Deliberativo do HCR, explica que  desde o ano da fundação da Sociedade Hospitalar, um grupo de pessoas abnegadas formaram uma corrente de trabalho e sempre com muito sacrifício buscaram atingir o   objetivo  que era desde a época, beneficiar a comunidade: “Isso a história  não conta, que realmente foi uma batalha difícil. O hospital é formado por um conselho, uma diretoria, uma equipe médica e seus colaboradores em busca de poder atender da melhor maneira possível a comunidade. E o HCR está empenhado em dar um atendimento cada vez melhor.  Hoje com este fenômeno que ninguém esperava, e pegou o mundo de surpresa; evidentemente que o HCR como instituição também foi surpreendido com o Coronavírus, mas  se preparou da melhor maneira possível para poder dar este atendimento e se qualificar cada vez mais com uma equipe integrada de forma que o tratamento seja adequado e que  salve cada vez mais vidas. Evidentemente que ainda é uma incógnita, ainda não tem remédio para isso, mas esperamos que isso não se prolongue por muito tempo, porque além de trazer uma catástrofe na parte da epidemia como um todo, há a catástrofe econômica em âmbito municipal, estadual e federal. Ou seja, o Brasil vai empobrecer muito e vai demorar muitos anos para reverter.  O que podemos fazer agora, de momento é nos cuidarmos e cuidar dos nossos. Em âmbito hospitalar estaremos fazendo todo o possível para salvar e recuperar o maior número de vidas possível”, finalizou.

     

     


    “Neste momento de pandemia, a direção do nosso HCR está focada em dar condições de trabalho para nossa fantástica equipe de profissionais”

    Leonardo Segatt,    vice-presidente do HCR, salienta que a direção está    focada em dar condições de trabalho para as equipes: “Neste momento de pandemia, a direção do nosso HCR está  focada  em dar condições de trabalho para nossa fantástica equipe de profissionais, médicos e enfermagem, para que possam realizar seus trabalhos com segurança. Foi fundamental ter o HCR com uma gestão atenta, mantendo a entidade saudável, eficiente economicamente, e também com equipes treinadas e qualificadas. Neste momento temos equipe e recursos para suportar. Recursos estes que são de nossos trabalhos e resultados, e parte de nossa comunidade e governo, e que são muito importantes para melhorar nossas condições e seguir evoluindo. Também não podemos deixar de dar atenção, aos demais serviços que prestamos a comunidade; cirurgias, exames etc, pois sabemos que muitas pessoas dependem de nossos serviços. Certamente essa pandemia vai passar, e nosso compromisso com certeza será seguir colaborando com nossa comunidade, cada dia com melhores serviços”.

     

     

    Compartilhe: